Usuários On-line

Temos 2175808 visitantes e Nenhum membro online

Clube do Livro

 
assinar

 

Eventos

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

O Livro dos Espíritos comemora 151 anos de existência com páginas que trazem esperança e reflexão.  

{mosimage}Lançado em 18 de abril de 1857, em Paris, O Livro dos Espíritos apresentou à Humanidade idéias novas: a vida prossegue após a morte do corpo; Deus existe, é bom, nos criou e, pela reencarnação, nos permite evoluir, corrigindo o mal que praticamos e aprendendo a amar uns aos outros.

A Obra é um roteiro de vida e uma fonte permanente de estudos, consolação, reflexão e esperança para aproximadamente 30 milhões entre espíritas e simpatizantes.

Para elaborar o livro, Allan Kardec fez uma série de perguntas, submeteu-as aos Espíritos mediante o concurso de diversos médiuns e comparou as respostas. Depois de O Livro dos Espíritos, Allan Kardec publicou O que é o Espiritismo, O Livro dos Médiuns, O Evangelho segundo o Espiritismo, O Céu e o Inferno e A Gênese . Todos são essenciais para quem deseja conhecer a Doutrina Espírita, mas a base sempre é O Livro dos Espíritos.

O livro básico do Espiritismo contém perguntas feitas por Allan Kardec aos espíritos superiores. Deus, existência dos Espíritos, mediunidade, reencarnação, morte, leis morais e o destino do homem após a morte são alguns temas encontrados nessa obra.

 "Com a nova visão do homem, da sua natureza espiritual, do mundo material e do espiritual, que a Doutrina Espírita – em especial O Livro dos Espíritos – nos roporciona, surge e se consolida uma grande esperança, esperança por uma vida melhor para nós, espíritos imortais, e a certeza de que, num futuro não muito distante, teremos uma Humanidade mais justa e mais fraterna".


(U M B E RTO F E R R E I R A - Reformador de maio de 2007)