Warning: "continue" targeting switch is equivalent to "break". Did you mean to use "continue 2"? in /home/seal/public_html/templates/seal_3162/functions.php on line 205
Repercussões de O Livro dos Espíritos entre Nativos dos Andes

Com as anotações seguintes, o Codificador transcreve carta recebida do Peru:
"Sabiamos que O Livro dos Espíritos tem leitores simpáticos em todas as partes do mundo, mas certamente não teríamos suspeitado encontrá-lo entre os selvagens da América do Sul, não fosse uma carta que nos fora enviada de Lima, há poucos meses [...].

"Excelentíssimo Senhor Allan Kardec,

{mosimage}Há mais de 10 anos freqüento os povos aborígenes que habitam a encosta oriental dos Andes, nestas regiões americanas nos confins do Peru. Vosso O Livro do Espíritos, que adquiri numa viagem a Lima, acompanha-me nestas solidões.

[...] Um dia ousei traduzie algumas passagens e fiquei bastante surpreendido ao ver que eles o compreendiam muito melhor do que eu havia pensado, considerando-se certas observações muito judiciosas que faziam [...]

[...] Ademais, a idéia dos Espíritos não é nova para eles; está em suas crenças e eles estão persuadidos de que é possível conversar com os parentes falecidos que os vêm visitar. O ponto importante de tudo isso é tirar partido para os moralizar, e não creio que seja impossível,m porquanto ainda não tem os vícios de nossa civilização, [...]

A meu ver, labora-se em erro quando se imagina que só podemos influenciar as criaturas ignorantes falando-lhes aos sentidos. [...]"

Dom Fernando Guerrero

(Trechos da matéria "O Livro dos Espíritos entre os Selvagens", In: Revista Espírita (Trad. Evandro Noleto Brzerra)< Rio de Janeiro: FEB, maio de 1859m p. 208-210.)

Fonte: Encarte de Reformador - Ano 125 - Nº 2.135 - Fevereiro 2007